Menu
sábado, 25 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Cidades

Meteorologia mantém alerta para chuvas intensas em MS

As áreas com possibilidade de chuvas intensas são o leste, pantanal, sudoeste e centro-norte sul-mato-grossense

15 setembro 2021 - 14h25Por Vinicius Costa

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) manteve o alerta de chuvas intensas para Mato Grosso do Sul nesta quarta-feira (15) e estendeu a previsão para a manhã de quinta-feira (16).

Essa mudança no clima está associada a atuação de uma frente que teve início no sul do país e percorreu alguns estados nesta semana. É nesta quarta que ela passa a ter mais influência no estado sul-mato-grossense e provocar chuvas em diversas cidades.

A atuação da frente fria que vem do Sul do país favorece o aumento de nebulosidade no estado, causando a possibilidade de chuvas ao longo desta semana.

Assim, o alerta colocou em situação de risco pelo menos 50 cidades, incluindo a capital Campo Grande. As áreas com possibilidade de chuvas intensas são o leste, pantanal, sudoeste e centro-norte sul-mato-grossense.

Porém, diferentemente do último aviso, a tendência é que as chuvas tenham 20 a 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros ao dia, além de virem acompanhadas de ventos intensos que podem chegar até 60 km/h.

Em relação às temperaturas, as máximas não atingem valores tão elevados, mas a sensação de calor e abafamento continuam com a baixa umidade do ar, mantendo assim, condições propícias para o surgimento de focos de incêndio.

Leia Também

Casa é destruída por incêndio no Cristo Redentor
Campo Grande
Casa é destruída por incêndio no Cristo Redentor
Redução do ICMS na conta de energia levam empresários a comemorar em MS
Economia
Redução do ICMS na conta de energia levam empresários a comemorar em MS
Sábado de 40ºC e chance de chuvarada em MS, prevê meteorologia
Cidades
Sábado de 40ºC e chance de chuvarada em MS, prevê meteorologia
Mãe de sequestrador morto pelo Choque vê 'tribunal do Facebook' dizer: 'vai arder no inferno'
Campo Grande
Mãe de sequestrador morto pelo Choque vê 'tribunal do Facebook' dizer: 'vai arder no inferno'