TJMS - novembro
tce novembro
Menu
Busca segunda, 18 de novembro de 2019
Cidades

Santa Casa será primeiro hospital a fazer transplante de medula óssea em Campo Grande

Em Mato Grosso do Sul, os pacientes que precisam de transplante precisam se deslocar até Jaú, interior de São Paulo

08 novembro 2019 - 15h00Por Nathalia Pelzl

Em 2020, a Santa Casa de Campo Grande vai ser o segundo hospital do Centro-Oeste a realizar transplante de medula óssea. A informação foi repassada pelo presidente Esacheu Nascimento, nesta sexta-feira (8).

O centro de coleta vai ser no antigo setor de oncologia da unidade, que também receberá o banco de sangue. Em Mato Grosso do Sul, os pacientes que precisam deste tipo de transplante precisam se deslocar até Jaú, interior de São Paulo.

A expectativa, segundo Esacheu, é que os transplantes comecem a ser realizados até o final do primeiro trimestre de 2020. Na região do Centro-Oeste, apenas Brasília realiza o procedimento atualmente.

Transplante de coração

Descredenciada desde 2013, a Santa Casa de Campo Grande vai voltar a fazer captação e transplantes de coração. Até então, apenas transplantes de rins e córneas eram realizados no hospital. Agora, a partir deste mês, os pacientes podem procurar  a unidade, segundo o presidente Esacheu.

“Estamos habilitados desde abril, mas é uma dificuldade muito grande você organizar a lista de doadores e lista de receptores também, então, precisava passar pelos nossos médicos cardiologistas e, agora, durante esse período, foi feita a lista e o entendimento com a Central de Transplante do Estado. Estamos prontos para fazer”, disse.