Menu
terça, 18 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Top Esporte

Barcelona 'descarta' Danilo e foca em renovação de Daniel Alves, afirma jornal

Renovação

03 março 2015 - 19h00Por Redação

O Barcelona já elegeu qual será a prioridade da equipe no mês de março: acertar a situação da lateral direita do clube. A equipe apostava na contratação de um substituto para o brasileiro Daniel Alves e o nome mais forte era o de Danilo, jogador do Porto. Porém, como o ex-jogador do Santos deve receber outras propostas para deixar Portugal, o Barça já o teria descartado e trazido o nome de Alves de volta à mesa.


Segundo informações do espanhol Sport, os catalães queriam um jogador mais jovem e mais barato para a posição, uma vez que Dani Alves já tem 32 anos e é um dos atletas mais caros do elenco.


Entretanto, os primeiros contatos com os portugueses mostraram que alguns clubes estão na frente nesta corrida, o que inflacionaria o preço a ser pago, cerca de 30 milhões de euros. Com isso, a renovação do atual titular da posição se tornou uma opção viável para o clube.


Diretor de futebol do Barça, Ariedo Braida teria feito uma análise do mercado e chegado à conclusão de que não existem laterais-direito melhores do que Daniel disponíveis para transferência. Ele teria recebido também informações de que o técnico Luis Enrique está muito satisfeito com as atuações do atleta e considera indispensável sua continuidade na equipe, por sua importância dentro e fora de campo. Além disso, a renovação seria muito mais econômica do que uma busca por reforços.


Assim, o Barcelona se vê na obrigação de retomar as negociações com Alves, algo que já era descartado e fez com que os representantes do jogador começassem a conversar com outros clubes interessados, como Manchester United, City, Arsenal e PSG.


O Barça já sabe também que o jogador não vai aceitar uma renovação por apenas uma temporada e estariam dispostos a oferecer um contrato de dois anos, com opção de um terceiro, com ajustes salariais. Com isso, a esperança é que Dani acerte e encerre a carreira vestido as cores do clube.


Agora, a continuidade do brasileiro é considerada estratégica por vários motivos. Primeiro porque ele estaria disponível no início da próxima temporada, fato que não igual com qualquer reforço, uma vez que o Barça está impossibilitado de contratar no meio do ano.


Segundo, ele poderia trabalhar nos próximos dois anos para preparar um substituto e fazer essa transição de forma mais tranquila. O clube teria mais tempo de procurar um novo jogador e poderia esperar uma melhor oportunidade de compra, sem gastar a fortuna que o Porto está pedindo por Danilo.