Menu
sábado, 26 de setembro de 2020
Política

No Senado, ministro da Educação chama Fies de "desastre"

Abraham Weintraub foi convidado a explicar o corte de 30% no Ministério da Educação

07 maio 2019 - 16h28Por Da redação/Tribuna Online

Durante sua participação na Comissão de Educação no Senado Federal, o ministro da pasta, Abraham Weintraub, criticou o programa de Financiamento Estudantil (Fies), criado durante o Governo FHC e ampliado no Governo Lula. Weintraub foi convidado para explicar o corte de 30% no ministério, que atingiu diversos cursos, principalmente na área de humanas.

Para o ministro, o Fies foi um "desastre" e uma "tragédia", uma vez que o governo inflou os cursos de gradução e "deu dinheiro a instituições privadas", sem antes melhorar o quadro na educação básica e acesso à universidade.

A fala sobre o programa aconteceu em meio a uma apresentação sobre o quadro geral do país. Para ele, o modelo educacional aplicado no país deu errado e é necessário debater alternativas. "É uma tragédia o financiamento estudantil. São 500 mil jovens começando a vida com o nome sujo", afirmou o ministro deixando implícita a alta inadimplência no programa.

Leia Também

Chuva foi só de um dia mesmo e sábado tem 40ºC na sombra em MS
Cidades
Chuva foi só de um dia mesmo e sábado tem 40ºC na sombra em MS
VÍDEO: criminoso bota fogo no Rita Vieira e mostra que incêncidios têm responsáveis
Cidade Morena
VÍDEO: criminoso bota fogo no Rita Vieira e mostra que incêncidios têm responsáveis
Resultado negativo da Covid-19 faz Julia chorar de alívio e matar a saudade da 'vó mãe'
Cidade Morena
Resultado negativo da Covid-19 faz Julia chorar de alívio e matar a saudade da 'vó mãe'
Reme ainda não tem prazo para retorno das aulas presenciais
Cidade Morena
Reme ainda não tem prazo para retorno das aulas presenciais